quarta-feira, 14 de março de 2012

Teste de violência obstétrica!

Voltei... depois de um tempão sumida, de novo XD rsrs!!
Já começaram as minhas aulas... e olhe, não tah sendo fácil sair todos os dias de Jacareí e ir pra São Paulo... mas eu estou amando o curso. Algumas matérias do Ciclo Básico são um pouco complicadas, mas no geral, é tudo bem dentro do que a humanização busca!!
Tem 5 doulas na minha sala, contando comigo e fiz amizade principalmente com a Gisele Leal, dona do blog Mulheres Empoderadas (ótimo). Foi por lá e pelo Facebook que eu achei um teste muito interessante e de extrema importância pra passar para as mamães... o TESTE DE VIOLÊNCIA OBSTÉTRICA.
Infelizmente é uma realidade muito presente nas nossas maternidades, com raras excessões. Não é de minha autoria, os créditos estão logo abaixo do teste!! Vale a pena ler e responder: 


************************************************************************************************


Responda a estas perguntas e saiba se você foi vítima de Violência Obstétrica durante seu trabalho de parto ou parto: 




Durante seu parto...  
1. A equipe médica criticou o seu comportamento com comentários irônicos, desqualificadores ou em tom de piada?
2. Você foi repreendida por chorar ou gritar de dor, emoção, alegria ou ansiedade durante o trabalho de parto ou parto?
3. Foi difícil ou impossível esclarecer suas dúvidas e manifestar os seus medos e receios porque ninguém lhe respondia ou o faziam de maus modos?  
4. Algum ou vários dos seguintes procedimentos foram realizados sem que ninguém lhe pedisse consentimento, lhe informasse sobre os riscos ou lhe explicasse por que eram necessários?   
  • Tricotomia (raspagem dos pelos púbicos)
  •  Enema (lavagem intestinal)
  • Proibição de ingerir alimentos ou bebidas
  • Indicação de permanecer deitada o tempo todo 
  • Rompimento artificial de bolsa 
  • Administração de medicamentos para “acelerar” o parto
  •  Toques vaginais reiterados e realizados por diferentes pessoas 
  • Compressão do abdome no momento dos puxos (Manobra de Kristeller)   
  • Episiotomia (corte do períneo)
  • Cesárea
5. Durante o período de dilatação, você foi impossibilitada de caminhar ou de procurar posições mais confortáveis segundo as suas necessidades?
6. No momento do expulsivo, você foi privada da possibilidade de adotar a postura mais confortável para você realizar os puxos?
7. Durante todo o processo você foi impedida de estar acompanhada por alguém de sua confiança? (marido, companheiro, familiar, doula, etc.)
8. Após o nascimento, o contato imediato  com seu bebê não foi permitido (acariciá-lo, carrega-lo, coloca-lo no peito…) antes que lhe realizassem cuidados ou intervenções de rotina (pesar, medir, administração de vacinas e colírio oftálmico, banho…)?
9. Você poderia dizer que  a experiência da atenção durante o parto te fez sentir vulnerável, incapaz, culpada ou insegura?  




SE A RESPOSTA A QUALQUER UMA DESTAS PERGUNTAS FOR SIM,  VOCÊ FOI VÍTIMA DE VIOLÊNCIA OBSTÉTRICA!
Tradução e adaptação:  Mirian Kedma

***********************************************************************************************
Você pode responder on line tb pelo site da Doula Gisele, Mulheres Empoderadas, Clicando aqui!

Faça circular, é muito importante!!!

Um comentário:

Pâmela Belliato disse...

Arlene querida, tudo bem?
Esse teste faz parte de uma blogagem coletiva feita no dia internacional da mulher. A ideia partiu das maternas dos blogs Mamíferas, Parto no Brasil e Cientista que Virou Mãe e contou com o apoio da rede Parto do Princípio. O link para responder online é esse: https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?formkey=dFZobU1FZEhHLW1SeUdnS0lISk9PVFE6MQ
Além disso, há uma página no Facebook: http://www.facebook.com/ViolenciaObstetrica
Pra postar o teste diretamente no blog, tem um código HTML...
No mais, parabéns por ter conseguido entrar na facul que tanto queria! Viu como as coisas clarearam?
Beijos!